sábado, 6 de junho de 2009

O mês de maio acabou...


MAS O AMOR NUNCA ACABARÁ!
Eu ainda creio no casamento. Apesar do que dizem os negativistas e alarmistas de plantão, que "pregam" o "amor livre", a antiga "amizade colorida", o "juntar de trapinhos" (sic.) e coisas deprimentes e denegrintes como estas, eu ainda creio no amor, que leva duas pessoas ase unirem da forma como Deus estabeleceu. Ainda creio no amor verdadeiro que se anula para que o outro seja feliz (calma, feministas!). Que abdica de seus próprios sonhos para que os sonhos do parceiro(a) se realizem (calma, psicólogos!)...
Deus mesmo é quem instituiu o casamento. E Ele definiu que seria PARA SEMPRE! Colocou como meta a própria morte.
Não importa se foi em uma grande catedral católica, ou em uma humilde igrejinha evangélica, ou mesmo na praia... Teve testemunhas? Foi um ato público? Deus também testemunhou . Porque um dos atributos de Deus é ser ONIPRESENTE. Principalmente quando o nome dEle é invocado..
Mas, infelizmente muitos nem sabem mais o que é a "palavra que vale um fio do bigode" e também não se esforçam para mudar suas atitudes e não de situação. Também com tanto apelo, facilidades e engano por aí hoje em dia...não é?
Enfim, escrevi este texto para as queridas noivinhas de maio, junho, julho,... mas principalmente para que vocês moças mostrem aos seus noivos. Pois o homem, de um modo geral, se esquecem com muita facilidade, são mais frágeis pelo que os olhos podem ver e muito influenciáveis por amigos e parentes.
Diálogo. Além do amor, o mais importante é o diálogo; com transparência, humildade e nunca, nunca, nunca - mentiras! Teria mais coisas para lhes falar, noivinhas corajosas e obedientes à Deus, mas por enquanto é só. No mais, que sejam muito, muito felizes até que a morte os separe...que se Deus quiser ainda está muuuuito longe disso

Um comentário:

  1. Puxa! Que lindo! Realmente o casamento é duradouro. Eu completei 26 anos em janeiro. Tenho dois filhos, e o mais velho se casou. Como Deus tem abençoado meu matrimônio. Incrível! Porém é verdade,depois desses anos todos, é que estamos nos relacioando melhor, pois a convivência eo tempo nos amadureceu e hoje convicta,posso dizer que AMO meu esposo. O amor venceu. Deus te abençõe minha querida, que Ele possa continuar te usando sempre, com esses temas maravilhosos que vc tem colocado a nossa disposição,para ler e comentar. Bjus.

    ResponderExcluir